sexta-feira, 23 de março de 2012

Fim do(s) tempo(s)

O tempo me ouviu dizer
Que ele estava quase no fim
Foi aí
Que as horas se atrasaram
Os minutos não mais correram
E os segundos viraram
Eternos segundos de dias...
E hoje vivo,segundo a segundo
De eternas horas de dias de meses de anos
Que nunca mudam...Que nunca passam...

Um comentário:

  1. Eternos dias, que nunca mudam, nunca passam. Complexo, profundo, rs'

    ResponderExcluir

comentem!!